fbpx

Decidir pela separação nunca é um momento fácil para o casal e, quando se tem filhos, todo esse processo se torna ainda mais delicado. Além de lidar com as próprias questões, pai e mãe precisam tornar o divórcio menos doloroso para as crianças que, muitas vezes, demoram para entender o que está acontecendo e, principalmente, para aceitar que aquilo não é culpa de ninguém.

A forma com que os pais lidam com o divórcio tem forte influência nos filhos, por isso os psicólogos orientam prezar sempre pela verdade e sinceridade na hora de contar aos filhos.

Não disfarce

Embora muitas vezes fique a impressão de que os filhos não sabem o que está acontecendo, é importante lembrar que as crianças são muito atentas. Elas observam tudo que está no entorno e percebem o ambiente, entretanto muitas vezes não compreendem o que está acontecendo. 

Uma conversa para cada idade

Antes de contar aos filhos planeje a conversa conforme a idade, caso necessário procure apoio de um profissional ou da família. Os pais precisam proteger os filhos e preservar o seu mundo infantil, já que ainda está em desenvolvimento e não possui a competência psíquica de um adulto. Se os pais não estão conseguindo manter uma boa relação neste momento é preferível que eles conversem separadamente, mas sem ferir a relação do outro com a criança. 

Respeito acima de tudo

Não há dúvidas de que a separação é um momento difícil para toda a família e de que, por isso, pode ser traumático para os pequenos. Mas lidar com respeito em relação aos sentimentos deles é essencial para tornar o processo menos doloroso, tendo sempre maturidade para ajudá-los a superar e a seguir em frente.

Os especialistas recomendam evitar alguns comportamentos, como discutir na frente da criança (principalmente se for a respeito da convivência com o outro ou da pensão alimentícia, como é tão comum) prolongar os conflitos entre o casal, tentar fazer aliança com o pequeno contra o outro genitor e dificultar o contato dele com um dos pais. 

Deixe claro para o filho que os pais continuarão acompanhando-o em seu dia a dia, em sua vida, e que ele não perderá seu lugar junto a eles.

Se você está vivendo uma situação de divórcio reflita e corrija possíveis falhas, seus filhos agradecerão no futuro.

Fonte: Bebê Abril


Baby Bee Free, cuidando de quem você ama <3

Leave a comment

V